Skip to content

Category Archives: frases e trechos

O mito da “mulher negra raivosa“ (Angry Black Woman ou Sapphire)

10-jan-15

”Mulheres queridas! Vai aqui mais uma desconstrução de um estereótipo da mulher negra:O mito da “mulher negra raivosa“ (Angry Black Woman ou Sapphire)   Como nós sabemos a branquitude usa vários estereótipos para descrever pessoas negras. Os estereótipos da mulher negra mais conhecidos no Brasil é o da Mãe-Preta e o da Mulata Sensual, mas […]

Trecho de uma carta de Sheila Anne, lésbica separatista norte americana

10-jan-15

“O separatismo lésbico é nosso desejo de amar a nós mesmas e a outras lésbicas enquanto lésbicas. É um impulso vital de sobrevivência. Ao enfocar no amor e o cuidado pela vida das lésbicas, nós criamos um mundo de criaturas amorosas, onde há espaço para um Eu e um Outro de mulher. Para criar este […]

instituição do coito compulsorio e a acusação de puritanismo por parte de liberais sexuais que são a versão atualizada dessa instituição

10-jan-15

Os homens atacam feministas há décadas com a idéia de puritanismo, desde a revolução sexual que foi o inicio do backlash contra os direitos das mulheres, com essa história de que somos puritanas. A instituiçao da sexualidade é uma forma de regularizar o acesso masculino aos corpos das mulheres, logo eles tentaram fazer essa confusão […]

Porque pornografia importa para feministas – Andrea Dworkin

10-jan-15

Pornografia é uma questão essencial porque a pornografia diz que as mulheres querem ser agredidas, forçadas e abusadas; pornografia diz que as mulheres querem ser estupradas, espancadas, sequestradas, desfiguradas; pornografia diz que as mulheres querem ser humilhadas, envergonhadas, difamadas; pornografia diz que a mulher diz Não mas quer dizer Sim – Sim para a violência, Sim para a dor. […]

Frases que se propôem a responder: que é o feminismo radical?

10-jan-15

O que é o Feminismo Radical? Compilado por Lierre Keith tradução: M. L.   “ A Opressão, como um fenômeno, inclui dois partidos (ou classes) – o Opressor e o Oprimido. Esses partidos são criados artificialmente e são, então, combinados em sistemas que dicotomizam a espécie humana sequencialmente tendo como base vários pretextos – sexo, […]

tradução das regras de um grupo de feminismo radical

10-jan-15

para fins de básicos do feminismo radical achei interessante. APENAS MULHERES Regras: Basicamente, este é um espaço para geração de consciência sobre o pensamento feminista radical. Se você entra na grupa, você deve aceitar que o objetivo é melhorar o entendimento do pensamento feminista radical por meio do intercâmbio de literatura e discussões sobre literatura […]

Nomeando o Inimigo

10-jan-15

parte de um texto de Mary Daly: “Naturalmente este será chamado de um livro “anti-macho”. Mesmo os escritos feministas mais cautelosos e circunspectos são descritos desta maneira. O clichê não é somente sem imaginação mas mortalmente, ensurdecedoramente, enganador – fazendo a escuta real do que as feministas radicais estão dizendo difícil, às vezes mesmo para […]

Frigidez como ato político

09-jan-15

Andrea Dworkin, em Pornography: Men Possessing Women   “O pênis deve incorporar a violência da masculinidade para que um homem seja macho. […] A redução do potencial erótico humano ao ‘sexo’, entendido como a força de um pênis visitando uma mulher que não parece querer a visita, é o cenário que governa a sexualidade em […]

HETEROREALIDADE

09-jan-15

Heterorrealidade é a percepção de um mundo no qual a mulherexiste sempre em relação ao homem (…), descreve uma situação criada pelasheterorrelações (…) que expressam a ampla gama de comunicações afetivas,sociais, políticas, econômicas, entre homens e mulheres (…) decretadas peloshomens. (Raymond, 1986). Janice Raymond propõe que a cosmovisão dominante podia serdescrita como “heterorrealidade”. essa perspectiva […]

redefinindo misoginia

09-jan-15

É bizarro e um retrocesso como “misoginia” tem sido definida, hoje em dia, por “feministas modernas”, como “ódio à feminilidade” e não ódio por mulheres/fêmeas por serem mulheres/fêmeas. Definir misoginia como o ódio à feminilidade não apenas associa “mulher” a “feminilidade”, o que é opressivo já que a feminilidade é um construto patriarcal projetado para […]