Skip to content

Tag Archives: críticas à teoria queer

Sexo, Gênero e Relações Sociais de Sexo

08-mar-15

“No Brasil, é muito difundida a ideia de uma certa equivalência entre teorias pós-modernas e uma perspectiva antiessencialista, como se a segunda só pudesse ser fruto da primeira posição. É interessante notar que os referenciais antinaturalistas vêm, em grande medida, nessa obra, de autoras de outras perspectivas teóricas. Além disso, percebe-se até mesmo uma certa […]

Teoria Queer e Violência Contra a Mulher

22-fev-15

Por Sheila Jeffreys Eu quero falar sobre como queer e teoria pós-moderna afetaram a habilidade de feministas e lésbicas de organizar-se contra, ou mesmo reconhecer violência contra mulheres. Na teoria queer e pos moderna, baseada no individualismo liberal, formas importantes de violência são renomeadas ´transgressão´, ´escolha´ ou ´agência´. Eu vou concentrar nas 3 formas de […]

gênero

21-fev-15

“Gênero não é uma performance. Mulheres não são estupradas, espancadas, abusadas, molestadas e torturadas psicologicamente porque elas “performam” mulheridade. Essas coisas acontecem porque homens (não “aqueles que performam masculinidade”, a propósito, mas simplesmente homens) designam elas como aquelas-a-quem-é-ok-machucar. Para dizer que gênero é performance é essencial culpabilizar a vítima. Afinal, se uma pessoa escolhe seu […]

Sexo, Gênero e Relações Sociais de Sexo

21-fev-15

“No Brasil, é muito difundida a ideia de uma certa equivalência entre teorias pós-modernas e uma perspectiva antiessencialista, como se a segunda só pudesse ser fruto da primeira posição. É interessante notar que os referenciais antinaturalistas vêm, em grande medida, nessa obra, de autoras de outras perspectivas teóricas. Além disso, percebe-se até mesmo uma certa […]

Capítulo 1 de Unpacking Queer Politics – Sheila Jeffreys

13-jan-15

Capítulo 1 – LIBERAÇÃO GAY E FEMINISMO LÉSBICO Sheila Jeffreys, Unpacking Queer Politics tradução: Jéssica Akemi   Hoje em dia muitas lésbicas jovens e homens gays definem-se como ‘queer’ sem pensar duas vezes. Mas esse é um termo que se tornou uma descrição moderna para descrever lésbicas e gays apenas na última década, mas muitas […]

Quando feministas tomam conta dos homens (versão corrigida)

13-jan-15

12 de maio de 2006 por Heart. Feministas tomam conta de homens (e em realidade, do mundo, como foi criado e vislumbrado por estes): 1. Quando elas dão mais crédito ou dão mais valor para o que é falado por um feminista que nasceu homem do que o que é dito por uma feminista que […]

Gênero e sexualidade

13-jan-15

Durante um “feminário” organizado pelos membros da London Feminist Network (Rede Feminista de Londres) em maio de 2010, Debbie Cameron e Joan Scanlon, editoras da revista britânica Trouble & Strife, deram uma oficina sobre o conceito de gênero e seu significado para o feminismo radical. Nós apresentaremos uma transcrição revisada de suas proposições informais, sob […]

[em tradução] A REVOLUÇÃO SEXUAL LÉSBICA – Sheila Jeffreys

13-jan-15

(texto ainda incompleto) CAPÍTULO II A REVOLUÇÃO SEXUAL LÉSBICA Nos anos 80 se produziu uma revolução sexual lésbica. Os historiadores tradicionais da sexualidade da corrente dominante masculina valoram muito positivamente as duas revoluções ocorridas, a seu entender, nas décadas dos 20 e dos 80, e que levaram à liberação e o prazer às mulheres. Em […]

manifesto repúdio lésbicas separatistas francesas ao movimento gay e queer após europride 2013

10-jan-15

Movimentos e Políticas Queer, uma embalagem nova pra um velho patriarcado.   Nesta terça, 17 de Julho de 2013 em Marseille, nós, lésbicas, tivemos que nos expôr a milícia queer que uma vez mais atacou um espaço político e cultural lésbico somente de mulheres. (Eurolesbopride em Marseille). Uma vez mais, gays nos forçaram a lutar […]

SENALE, desaparição dos espaços de resistência lésbicos, relativização de identidades e separatismo

10-jan-15

por Andressa Stefano SENALE: Seminário Nacional de Lésbicas. A autora se refere ao último SENALE que ocorreu em Porto Alegre em 2014, no qual ele se tornou SENALESBI e quase foi aprovado ser SENALESBITRANS. Tal ação aprovada aí, de forma bastante autoritária, foi considerada por muitas um ato de destruição da memória lésbica desses seminários […]